terça-feira, 29 de janeiro de 2008

SEDENTARISMO ACELERA O ENVELHECIMENTO, diz estudo da BBC Brasil...


(fonte: http://cienciaesaude.uol.com.br/ultnot/bbc/2008/01/29/ult4432u986.jhtm)

Um estudo conduzido por pesquisadores britânicos aponta que levar uma vida sedentária pode acelerar o processo do envelhecimento.

A equipe de especialistas do King's College, em Londres, pesquisou 2.401 gêmeos e observou que os que eram fisicamente ativos durante seu tempo de lazer eram também "biologicamente mais jovens" do que os que não se exercitavam.

O estudo, publicado na revista especializada "Archives of Internal Medicine", aplicou um questionário sobre o estilo de vida dos participantes e retirou amostras de sangue para fazer uma análise do DNA de cada um.

Os pesquisadores identificaram que os telômeros - seqüências de proteína encontradas nas extremidades do DNA - tinham menor tamanho entre os gêmeos sedentários.

Os cientistas esclarecem que os telômeros oferecem proteção às células, mas conforme as pessoas vão envelhecendo, eles vão naturalmente diminuindo de tamanho, deixando-as mais vulneráveis a danos e à morte.

Estresse

Ao examinar células sangüíneas do sistema imunológico, os pesquisadores observaram que os telômeros perdem, em média, 21 de seus componentes - os nucleotídeos - por ano.

E concluíram que os telômeros dos mais sedentários tinham 200 nucleotídeos a menos, o que significa uma redução do seu comprimento.

Os mais ativos tinham telômeros de tamanho equivalente ao dos sedentários até dez anos mais jovens, apontou o estudo.

"Os resultados sugerem que adultos que se envolvem em atividades físicas regularmente são biologicamente mais jovens do que os sedentários", afirmam os especialistas.

Os pesquisadores ainda sugerem que pessoas sedentárias podem estar mais vulneráveis a danos celulares por diversos fatores, entre eles o estresse, que teria um impacto direto no tamanho dos telômeros.

E os exercícios físicos, afirmam, poderia ser uma boa arma no combate aos níveis de estresse.

"O estudo transmite a mensagem que poderia ser usada por médicos ao promoverem o efeito potencial dos execícios físicos para retardar o envelhecimento", dizem.

quarta-feira, 9 de janeiro de 2008

CHÁ VERDE


Atualmente são consumidos mais de um bilhão de xícaras de chá verde em todo o mundo! Este é o chá mais consumido pela humanidade. Além da tradição popular no uso do chá verde, as informações aqui contidas estão baseadas em inúmeros trabahos científicos elaborados pelas mais importantes universidades da China, Japão, Estados Unidos e Europa, visando conhecer a composição química e as propriedades terapêuticas, varredouras de radicais livres, toxinas e desentoxicadoras do Chá Verde.

Qual a composição química do Chá Verde?

A credibilidade e a fama estão em sua composição química. O chá verde é rico em Bioflavonóide. As catequinas são as principais fontes de bioflavanóides. Possui, também, carotenóides (fonte natural de vitamina A), tanino, vitamina C, cálcio, potássio, fósforo, flúor e vitaminas do complexo B.

Quais são as propriedades do Chá Verde?

Por sua riqueza em bioflanóides é um dos poucos chás com múltiplas propriedades, pois ache em todo o organismo.

As principais propriedades são:

Câncer - o bioflanóide mais destacado do chá verde (EGCG) é um dos antioxidantes mais potentes que se conhece, sendo 25 vezes mais potente que a vitamina E em proteger as células dos danos causados pelo câncer. Além disso, bloqueia a enzima necessária a apoptose impedindo o crescimento do tumor.

Intestinos - protege e renova a flora bacteriana saudável, eliminando fungos, vírus e bactérias. Fígado - melhora a absorção de nutrientes e protege de toxinas do álcool, cigarro, etc.

Pulmões - promovem um relaxamento na musculatura dos brônquios facilitando a respiração dos asmáticos.

Sistema Cárdio-Circulatório - favorece a fluidez do sangue e a eliminação de gordura previndo a arteriosclerose. Contribui para regular a pressão arterial. Diminui em 25% a chance de se sofrer um infarto. Reduz em 30% a chance de um derrame na terceira idade.

Sistema Ósteo-articular - ao dissolver depósitos indesejáveis de uréia e ácido úrico nas articulações, previne artrite, reumatismo e favorece os movimentos.

Sistema Imunitário - Por sua riqueza em bioflavonóides reforça a atividade imunitária, prevenindo gripe, resfriado, rinite, alergia e processos inflamatórios infecciosos.

Sistema Neuro-Hormonal - ao melhorar a fluidez do sangue, o chá verde favorece melhor aporte sanguíneo ao cérebro, o que melhora a nutrição cerebral. Essa melhor nutrição, elimina maior número de radicais livres, toxinas e metais tóxicos, contribuindo para prevenir doenças demenciais, degenerativas neuronais e protegendo a atividade intelectual e hormonal. Fumantes, usuários de bebidas alcoólicas, refrigerantes, fast food, doces e alimentos gordurosos terão no Chá Verde um dos maiores amigos para desintoxicar o organismo, melhorar a digestão e adquirir disciplina para mudar maus hábitos alimentares e de vida.

Ambiente Insalubre : O uso do chá verde é ótimo agente desintoxicante, protetor e revitanlizante do organismo de pessoas expostas a campos magnéticos no dia-a-dia.

Qual a maneira de preparar e usar o chá verde?

A granel - coloque duas colheres de sopa em meio litro de água e deixe em infusão por dois a três minutos, coa e beba durante o dia.

Em cápsulas - tomar uma a duas cápsula por vez, três vezes ao dia, antes do café, almoço e jantar.

Em saché - coloque um saché em uma xícara de água quente e deixe em infusão por dois a três minutos.

Fonte:www.manavida.com.br/dicas.php?receita=20